01 de outubro de 2020
Campo Grande 41º 24º

Filho de policial que matou vizinho não comparece à audiência por tráfico de drogas

Fernando Alvares Machado Cerqueira não compareceu à audiência referente a um processo em que responde por tráfico de drogas que seria realizada na tarde de hoje no Fórum de Campo Grande. O jovem é filho do policial civil aposentado Carlos Roberto Cerqueira, 53, suspeito de matar o vizinho, Rodrigo José Rech, 31, no dia 24 de abril.

O representante do réu, Luiz Gustavo Battaglin, se recusou a informar a justificativa de seu cliente por não comparecer à audiência. Ele explica que também vai representar o policial civil, mas ainda não teve conhecimento integral do processo nem de seu paradeiro.

De acordo com informações extra-oficiais, o filho do policial civil estaria recebendo ameaças de morte e por isso não compareceu à audiência. Ele pode estar envolvido na briga que resultou no assassinato de Rodrigo.

Carlos Roberto Cerqueira sofre de esquizofrenia e tinha uma rixa antiga com a vítima por causa de um imóvel. Até o momento a polícia não tem pistas do paradeiro do suspeito.

Diana Christie