25 de novembro de 2020
Campo Grande 34º 24º

CIGARROS CONTRABANDEADOS

Gaeco faz buscas na casa de comandante da PM em MS

Mandados são cumpridos no âmbito de uma nova fase da Operação Oiketicus

Foi deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) nesta manhã de 6ªfeira (15.maio), ação que tem como alvos policiais militares que ocupam cargos no comando da Polícia Militar em Dourados, no interior de Mato Grosso do Sul, e próximo à fronteira com o Paraguai, principal corredor de entrada de cigarros contrabandeados em MS. 

Segundo o Dourados News, os mandados são cumpridos no âmbito de uma nova fase da Operação Oiketicus, que investiga facilitação da entrada de cigarros no país, em troca de propina oferecidas à agentes públicos. 

As ‘batidas’ do Gaeco foram feitas em residências na região Noroeste de Dourados. Local, onde, de acordo com o site, mora o tenente-coronel do 3º Batalhão da Polícia Militar, Carlos Silva. Não houve prisão de suspeitos, no entanto, da casa do tenente foram levados, pelos investigadores, documentos. 

Ainda não há informações sobre quantas determinações judiciais são cumpridas no município.  A assessoria do Ministério Público de Mato Grosso do Sul ainda não se manifestou sobre a operação de hoje em Dourados.

OPERAÇÃO

A Operação Oiketicus foi deflagrada pela primeira vez no dia 16 de maio de 2018 e apura suspeita de pagamento de propinas a policiais que facilitavam o tráfego de veículos com cigarros contrabandeados pelas rodovias de Mato Grosso do Sul.  

Fonte: Dourados News.