05 de agosto de 2020
Campo Grande 31º 16º

Polícia Civil prende investigador e escrivão em Ponta Porã

 Uma equipe da Corregedoria Geral da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, prendeu em flagrante delito na tarde da última quinta-feira, em Ponta Porã (MS), o escrivão Alexsander Marques Cabral, 36 anos e o investigador Reginaldo Antunes Mendonça, 34 anos, acusados de concussão. Os policiais foram presos no momento em que o escrivão aguardava as vítimas efetuarem saque no valor de R$ 10 mil, em uma agência bancária do município. De acordo com a investigação realizada pela Corregedoria, a importância foi exigida pelos policiais a título de darem proteção ao filho de uma das vítimas, acusado de tráfico de drogas que esta preso, em uma das celas da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã, mesma unidade onde os acusados são lotados. Segundo a Corregedoria o investigador estava de plantão no dia dos fatos e utilizando a viatura caracterizada da Delegacia, uma Renault Logan, recepcionou as vítimas na estação rodoviária da cidade, e as encaminhou até o escrivão, que utilizou o próprio carro particular para levá-las, primeiramente a uma agência da Caixa Econômica Federal, onde não foi possível fazer o saque, em seguida até uma agência do Banco do Brasil, onde ocorreram as prisões. Outras diligências continuam sendo feitas pela Corregedoria Geral da Polícia Civil com o objetivo de esclarecer os fatos. Após a prisão e autuação em flagrante por concussão, os policiais foram encaminhados para uma das celas da 3ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande (MS), onde permanecem à disposição da justiça.   Anna Gomes com assessoria Polícia Civil