26 de outubro de 2020
Campo Grande 27º 22º

GEFRON - MT

Quatro suspeitos são vistos no matagal e mortos em troca de tiros com a PM

A estimativa é de a droga apreendida renderia até R$ 2 milhões aos suspeitos

Ação de patrulhamento na região de fronteira com a Bolívia feita por policiais do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gefron do Mato Grosso) terminou com a morte de quatro homens que, segundo a polícia, atuavam no tráfico de drogas. Foram apreendidos na ação aproximadamente 90 kg de pasta-base de cocaína. O confronto ocorreu na madrugada do domingo (27.set.2020) na região rural de Cáceres, interior mato-grossense, às margens do Rio Jauru.

Foram apreendidos também 3,2 kg de cloridrato de cocaína e 5 kg de ácido bórico, substância utilizada para preparar a droga.  A estimativa é de a droga apreendida renderia até R$ 2 milhões aos suspeitos.  

O Gefron informou que equipes faziam o patrulhamento rural quando se depararam com os indivíduos suspeitos. Que eles estavam armados e carregando mochilas.  Os militares disserma que se identificaram e deram ordens aos suspeitos para que se entregassem, mas de acordo com os policiais envolvidos na ocorrência, o grupo de suspeitos reagiu sacando armas e atirando na direção dos PMs. Houve troca de tiros e os suspeitos foram atingidos e entraram mata adentro.

Após cessar os tiros a polícia diz ter encontrado os homens feridos, caídos no matagal. Eles foram socorridos ainda com vida e levados para o Hospital Regional de Cáceres. Porém, não resistiram e morreram na unidade hospitalar. Os nomes deles não foram divulgados, mas segundo o Gefron, um era foragido da Justiça, pois tinha um mandado de prisão em aberto. Outro já tinha passagens policiais pelo crime de tráfico de drogas. 

Conforme o Gefron, dentre os mortos, um boliviano que é irmão de outro criminosos que se envolveu num confronto no dia 20 de agosto com militares do Gefron, ocasião em que também foram mortos quatro homens. 

Os militares também apreenderam uma pistola calibre 9 milímetros, outra de calibre 22 e dois revólveres de calibre 38. Um boletim de ocorrência foi registrado e as drogas e armas apreendidas foram encaminhadas para a Delegacia Especial de Fronteira (Defron), em Cáceres. Militares do 6º Comando Regional também deram suporte na ocorrência. A investigação ficará a cargo da Polícia Civil.

*Com FolhaMax.