03 de dezembro de 2020
Campo Grande 34º 23º

RIO VERDE

Tia mata sobrinho com tiro na cabeça e diz que ele agredia a avó

Crime aconteceu na manhã deste domingo (24.maio), no interior do Estado

Uma mulher de 33 anos foi presa suspeita de homicídio contra o sobrinho de 29 anos, na manhã deste domingo (24.maio), no assentamento Agriverde, em Rio Verde, no interior de Mato Grosso do Sul. De acordo com a delegada que investiga o caso, Andressa Vieira, a suspeita alegou que o homem ameaçava a mãe dela de 79 anos, que também é avó do rapaz assassinado.    

Conforme a delegada disse ao G1 MS, a suspeita dos disparos, que morava com a idosa, contou que homem chegou até a casa delas e disse que iria matá-las. Nesse momento, ela efetuou três tiros e um deles acertou a cabeça do sobrinho.

O homem chegou a ser socorrido e levado para o hospital de Rio Verde mas, por conta da gravidade, precisou ser encaminhado para a Santa Casa de Campo, onde acabou não resistindo e morreu antes mesmo de dar entrada na unidade hospitalar. 

Após o crime, a mulher fugiu, mas foi localizada pela Polícia Militar já no município de Rio Negro (MS). Ela alegou legítima defesa. Em depoimento a suspeita alegou que a vítima teria planos de colocar fogo na casa dela e um dia antes da morte, teria furtado a motocicleta que a pertencia.

O rapaz era usuário de drogas e tinha passagem por violência doméstica, inclusive, teria sido presa uma semana antes do crime após ameaçar a própria mãe. Na ocasião, a mãe do rapaz não quis representar contra o filho e ele acabou sendo solto.

Ainda de acordo com a polícia, a arma do crime foi encontrada dentro do galinheiro da casa de onde aconteceu o assassinato e a suspeita vai responder pelo crime de homicídio.

*Com G1 MS