26 de janeiro de 2021
Campo Grande 30º 21º

ASSALTO EM CRICIÚMA (SC)

Vídeo: Quadrilha sitia cidade, rouba banco e espalha mais de 1 milhão pelas ruas

Pessoas foram feitas reféns e cercadas por criminosos; houve bloqueios e barreiras para conter a chegada da polícia

Uma quadrilha formada por cerca de 30 criminosos sitiou o centro de Criciúma, no Sul de Santa Catarina e assaltou um banco no início da madrugada desta 3ª-feira (1º.dez.2020). O grupo fortemente armado invadiu a tesouraria regional de um banco, provocou incêndios, bloqueou ruas e acessos à cidade, usou reféns como escudos e atirou várias vezes. E ainda, na fuga, espalhou mais de R$ 1 milhão pelas ruas da cidade. 4 homens, não integrantes da quadrilha, mas que recolheram as cédulas deixadas foram presos.  

Segundo a Polícia Civil, eles foram encontrados em um apartamento com mais de R$ 810 mil dentro de duas malas. Dois suspeitos de 24 anos e outros dois de 27 e 28 anos devem ser encaminhadas ao Presídio Regional. Além disso, a polícia encontrou espalhado pelas ruas cerca de R$ 300 mil.

Segundo o G1, o alvo foi uma  uma agência do Banco do Brasil, onde os criminosos chegaram por volta das 23h50 de ontem, 2ª-feira (30.nov). Toda a ação do grupo foi registradas pelos celulares dos moradores e durou 1 hora e 45 minutos.

Pessoas foram feitas reféns e cercadas por criminosos; houve bloqueios e barreiras para conter a chegada da polícia.

Um PM e um vigilante ficaram feridos. Ninguém morreu. 

Criminosos fugiram, e parte do dinheiro ficou espalhada pelas ruas. Valor levado e abandonado não foi calculado até as 7h30. 

Criminosos também deixaram 30 quilos de explosivos para trás. Polícia não sabe o total utilizado.

10 carros usados no assalto foram apreendidos em um milharal de uma propriedade privada em Nova Veneza, a noroeste de Criciúma.

Até por volta de 7h30, o Banco do Brasil não havia se pronunciado.

A prefeitura pediu ajuda a batalhões de municípios vizinhos e também para cidades do Rio Grande do Sul.

ABAIXO UM APANHADO DAS AÇÕES DOS CRIMINOSOS NAS QUASE 2H DE AÇÃO