30 de julho de 2021
Campo Grande 20º

Azambuja assegura que Rose não participou de esquema de votos para cassar Bernal

A- A+

O candidato ao governo do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB) garantiu que são falsas as informações que apontam para suposto envolvimento da vereadora Rose Modesto (PSDB), em esquema de compra de vereadores para cassar o então prefeito de Capital Alcides Bernal (PP).

Rose pode seu suspeita de ter recebido R$ 1 milhão para votar pela cassação de Alcides Bernal (PP), no dia 12 de março e ter intermediado, já na administração de Olarte, fechamento de contratos com prefeitura no valor de R$ 7 milhões.

“Eu acho tudo isso um absurdo total. Eles soltam informações ao vento, informações totalmente infundadas, sem sentido nenhum. Eu posso responder pela Rose e tenho certeza de que ela não está envolvida em articulação nenhuma. Isso não existe, são informações de veículos que não possuem credibilidade”, afirma Reinaldo.

Azambuja ressalta que esse não é o momento de ficar discutindo hipóteses. “Não temos que ficar discutindo em cima de hipóteses, o que vale são as investigações do MPE (Ministério Público Estadual), que é um órgão que pode dizer algo sobre escândalos.”

Questionado sobre as informações divulgadas terem interesse político, Reinaldo acredita que sim, mas garante que o PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) está preparado para enfrentar ataques da oposição.

“Existe interesse político nisso e já enfrentamos isso outras vezes. Estamos preparados para lidar com esse tipo de coisa. Tudo que foi divulgado não faz sentido nenhum e reafirmo que Rose não está envolvida em nenhum esquema”, finaliza o candidato.

Dany Nascimento