28 de outubro de 2021
Campo Grande 30º 22º

Investimento

Azambuja entrega R$ 4,6 milhões em obras e equipamentos para Sanesul

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja entregou, nesta sexta-feira (17), investimento de R$ 4.659.449,46 na reforma do Complexo Maria Cecília Barbosa da Sanesul e na aquisição de equipamentos e móveis que serão distribuídos para  as 10 regionais da empresa de saneamento.

Só para o Complexo Maria Cecília onde funciona a administração central da Sanesul e as gerências de suprimentos, manutenção e controle sanitário, foram disponibilizados R$ 1.780.530,46 para reforma e ampliação do Laboratório Central e do Laboratório de Hidrômetros, além da compra de móveis e equipamentos. O complexo abastece as dez gerências regionais e, em consequência, as unidades dos 68 municípios atendidos pela empresa.

O repasse para as 10 gerências regionais da Sanesul recebeu investimentos de R$ 2.878.919,00. Foram adquiridos um compressor para desenvolvimento e limpeza de poços profundos; 25 roçadeiras; 13 bombas de esgotar valas; 54 carretas reboque; duas carretinhas para moto; oito compactadores de percussão; 26 máquinas de cortar asfaltor; 10 motocicletas; 65 placas vibratórias; 20 pick-up Strada (veículo utilitário); duas retroescavadeiras; três caminhões (tração 4 x 2, cabine aberta); três equipamentos de esgoto; 80 conjuntos escora valas; um contêiner e uma ambulância para o Sindicato dos Trabalhadores de Empresas de Água (Sindágua/MS).

Durante a solenidade de entrega , o governador Reinaldo Azambuja destacou a importância dos colaboradores e o compromisso do Governo do Estado em estruturar a Sanesul. “A entrega desses equipamentos e a reforma que realizamos mostra a preocupação da empresa com os seus colaboradores e a do Governo que sempre priorizou as pessoas. Na minha primeira ida a Sanesul eu falei sobre o meu compromisso em fortalecer a empresa, em estruturá-la e qualificar nossos colaboradores, para que juntos possamos prestar um serviço de qualidade na área de saneamento em Mato Grosso do Sul”, disse.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, a qual a Sanesul é ligada, e o diretor-presidente da Sanesul, Luiz Rocha, os investimentos na empresa são resultado do modelo de Gestão do Governo. “Nós adotamos as determinações do Governo e temos a missão de levar um serviço de excelência para a população”, destacou o diretor-presidente.
Parceria Público Privada

Na solenidade o governador também anunciou a publicação de um edital para  manifestação de interesse, que acontece na semana que vem, da primeira Parceria Público Privada (PPP) do Estado. “Através dessa PPP vamos possibilitar o aporte de capital privado, mas manter a Sanesul pública, e assim universalizar o saneamento no Estado, nos 68 municípios, em um curto espaço de tempo. O que levaríamos 410 ou 60 anos para fazer, com a PPP podemos reduzir esse tempo para o prazo máximo de até 10 anos. O que é um avanço muito grande na área de saneamento e principalmente na saúde pública de Mato Grosso do Sul”, finalizou.

Participaram do evento o presidente do Sindágua/MS, André Lúcio Romero Camargo; gerentes das 10 regionais da Sanesul: Danilo Pires (Aquidauana), Eduardo Duque (Corumbá), Leocir Miranda (Coxim), Paulo Nepomuceno (Dourados), Daniela Nantes (Jardim), Luciano Silva (Naviraí), Jair Oliveira (Nova Andradina), Marcos Malheiros (Paranaíba), Marcio Cruz (Ponta Porã) e Gilmar Tabone (Três Lagoas).