14 de junho de 2021
Campo Grande 27º 13º

PSB e partidos ligados a André se mantêm independentes do governo na AL

A- A+

Após a formação do bloco, definido ontem pelos pequenos partidos da Assembleia Legislativa, para que indiquem nomes para as Comissões Permanentes da Casa, há a possibilidade que, ao contrário do que espera o governo, algumas das siglas mantenham-se independentes.

Os tucanos acreditam que, com essa formação, haja mais facilidade no relacionamento com a Casa de Leis, já que as siglas, até então, mostraram apoio ao atual governo. No que depender do PSDB, com isso, projetos passarão com mais facilidade pelas comissões.

Mas o que até o momento pareceu fácil, pode se tornar uma pedra no caminho, já que partidos começam a se revelar independentes, como é o caso do PSB, de Barbosinha.

Além da independência, ao ser questionado sobre um possível afastamento do PMDB, Barbosinha deixou claro que não há nenhum “desgarramento” da sigla, dando a entender que, continua fiel ao ex-governador, André Puccinelli (PMDB), responsável pelo seu crescimento político, já que foi indicado pelo ex-governador ao cargo de presidente da Sanesul, em seu governo.

Ao concluir, Barbosinha disse que o interesse em formar um bloco atende a interesses em comum entre as bancadas e ao exercício de cada deputado durante os próximos quatro anos de mandato.