15 de junho de 2021
Campo Grande 28º 15º

Biffi acredita em possível armação sobre materiais apreendidos pela Polícia Federal

A- A+

Ao tomar conhecimento de que a PF (Polícia Federal) esteve na tarde de ontem na Macarena Vídeos e apreendeu materiais de campanha com conteúdo difamatório ao candidato ao governo do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), o deputado federal Antonio Carlos Biffi (PT) afirmou na tarde de hoje que acredita que a PF age com parcialidade, já que “os materiais que difamam o candidato petista ao governo do Estado, Delcídio do Amaral não foram apreendidos”.

Biffi destacou que a Macarena prestava serviços para no primeiro para os proporcionais do PT (Partido dos Trabalhadores). “Eu não tenho informação a esse respeito, mas sei que a Macarena trabalhou no primeiro turno na questão dos proporcionais, mas não tenho informação de que eles estão trabalhando no segundo turno também”.

O deputado cogitou a possibilidade de se tratar de uma “armação política” e colocou em dúvida a apreensão de materiais. “Com certeza pode ser uma armação, porque a federal não vai atrás da difamação do Delcídio, só vai atrás da difamação do Reinaldo.  A Polícia Federal até agora não pegou ninguém que difama Delcídio e está cheio de panfletos, mensagens de celulares e vídeos contra o Delcídio, a Polícia Federal age com parcialidade”.

Os deputados estaduais Cabo Almi (PT), Pedro Kemp (PT) e Amarildo Cruz (PT) se recusaram a comentar sobre o assunto, justificando que ainda não tinham conhecimento sobre essa apreensão.

Dany Nascimento