10 de maio de 2021
Campo Grande 32º 18º

‘Guarda-chuva’

Bolsonaro reposta tuíte irônico com foto de homens armados: ‘guarda-chuva’

A- A+

O presidente eleito Jair Bolsonaro compartilhou em seu Twitter uma postagem que mostra 5 homens com fuzis. Na legenda, o autor do tuíte ironiza a imagem: “Acho que vai cair uma tempestade, olha quanto guarda chuva”.

Em 17 de setembro, a morte do garçom Rodrigo Alexandre da Silva Serrano, 26 anos, na favela Chapéu Mangueira, na zona sul do Rio de Janeiro, repercutiu na imprensa e nas redes sociais. Segundo testemunhas, os tiros foram disparados pela Polícia Militar que teria confundido o guarda-chuva que segurava com 1 fuzil.

Defesa do porte de armas

As referências às armas de fogo fizeram parte da campanha do presidente eleito. Em seu plano de governo, Bolsonaro afirma que “armas são instrumentos, objetos inertes, que podem ser utilizadas para matar ou para salvar vidas” ao comentar o documentário ‘A Guerra do Brasil’, produzido pela rede Globo.

Em 23 de agosto, o ex-capitão do Exército foi fotografado ensinando uma criança a fazer 1 sinal de arma com a mão.

No dia 3 de setembro, o militar na reserva falou em “fuzilar a petralhada”enquanto segurava 1 tripé de câmera, simulando o uso de metralhadora.