01 de dezembro de 2021
Campo Grande 32º 19º

CÂMARA DOS VEREADORES

Chapa única: Carlão é eleito presidente da Câmara em Campo Grande

Carlão é do mesmo PSB e estará a frente das pautas da Casa de Leis municipal nos próximos 2 anos

A- A+

Sem concorrência, chapa única, o vereador Carlão (PSB) foi eleito presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, por 29 votos, então, unânime. A votação ocorreu no início da noite desta 6ª-feira (1.jan.2021), após a posse dos parlamentares, do prefeito e da vice-prefeita de Campo Grande, pouco antes. 

A composição da nova mesa diretora: Carlão como presidente, Loester Nunes (MDB) na função de vice-presidente e Delei Pinheiro (PSD) retornando para Casa como 1° secretário. Betinho (Republicanos) na função de 2° vice-presidente e Eduardo Miranda (Patri) na 3° vice-presidência. Epaminondas Vicente (SD), o "Papy" como 2° secretário e Ronilço Guerreiro (Podemos) como 3° secretário. Eles estarão a frente das pautas da casa no biênio, isso é, até 2022. 

Pouco antes dessa decisão, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) acenou de maneira a oferecer “portas abertas” e “diálogo” aos vereadores eleitos. Durante discurso Marquinhos também dedicou 1 minuto de silêncio aos mais de 1 mortos pela Covid-19 em Campo Grande. 

Em resposta ao prefeito, Carlão disse: “O prefeito Marquinhos Trad vai ter lealdade da nossa parte, e vamos tentar harmonia sempre, mas nunca largar nossa independência. O Executivo deve gerir os recursos, e nós vamos fiscalizar. Oposição, com certeza, vai ter. Oposição construtiva, mostrando ao Executivo onde há problemas, mas também onde há solução”, adiantou.

Agora ex-presidente da Casa, o vereador Prof. João Rocha afirmou que a Câmara faz justiça ao eleger o vereador Carlão. Segundo ele, Carlão tem experiência, maturidade e vivência política para chefiar o Legislativo municipal pelos próximos dois anos.

“Hoje fazemos justiça ao escolhermos o vereador Carlão para presidir essa Casa, por sua história de serviços prestados nesse parlamento. É o quarto mandato. Tivemos a felicidade de entrar juntos. O tive por cinco anos como meu 1º secretário. Conheço seu coração, sua índole, e sua experiência, maturidade e vivência política”, destacou.

*O MS Notícias ERROU a sigla a qual pertencia Carlão, dizendo que o mesmo teria sido eleito pelo PSD, quando na verdade Carlão foi eleito pelo PSB, foi feita a coreção, pelo erro pedimos desculpas.