27 de setembro de 2020
Campo Grande 39º 25º

Com Zé Carlos e Pastor Sergio fora do páreo, vaga de vice de Nelsinho deve ficar com mulher

Amanhã acontece o encontro regional do PSB onde será oficializado aos membros do partido a caminhada ao lado do pré-candidato a governo do Estado, Nelsinho Trad (PMDB).Ao contrário do que se espera, não será nessa reunião que o nome do vice-governador será discutido.

O pré-candidato ofereceu ao PSB -a vaga de vice-governador, da primeira suplência ao senado e também ofereceu o palanque no Estado ao pré-candidato a presidente da República, Eduardo Campos. O presidente regional e prefeito de Dourados – distante 225 quilômetros de Campo Grande -  Murilo Zauith também fechou a aliança com Trad.

Conforme explicou o vice-presidente regional do partido, Sérgio Assis, os nomes do pastor e vereador de Dourados – distante 225 quilômetros de Campo Grande – Sérgio Nogueira e do diretor da Sanesul, Zé Carlinhos, até então também cotados para  vice, a princípio não irão disputar a vaga, pois, ambos disponibilizaram o nome para concorrer a deputado estadual.

Sendo assim, restam apenas nomes femininos para completar a chapa majoritária do PMDB, de acordo com Sérgio Assis. Janete Moraes, filha do ex-prefeito de Dourados Antônio Moraes, a advogada Tatiana Ujacow e Marli Padovani, advogada do Sinpetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes) são os nomes cotados para a vaga.

“Amanhã não há a possibilidade de definição do nome, amanhã a reunião será com os pré-candidatos a deputados federais, estaduais e também para oficializar a caminhada da sigla ao lado do PMDB”.

Questionado  sobre os nomes que se colocaram a disposição para concorrer a deputado estadual pelo partido, Assis afirma que o seu nome, de Zé Carlos, Sérgio Nogueira e Zé Anselmo, ex-conselheiro do Tribunal de Contas. Já os federais, tem o nome da ex-secretária da Seprotur, Tereza Cristina, do vereador de Coxim, Celsinho, do vereador de Campo Grande, Carlão e do ex-deputado federal Manoel Vitório.

Tayná Biazus