25 de fevereiro de 2021
Campo Grande 34º 23º

CPI do Genocídio vai ouvir Secretário de Seg. Pública e Delegado Geral da Polícia Civil

Os membros da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) do Genocídio decidiram durante reunião nesta quinta-feira (19) quem serão os primeiros convocados para oitivas que devem começar a partir do dai 3 de dezembro.

Conforme decisão da comissão serão convocados para primeira oitiva, o secretário estadual de segurança pública, Silvio Maluf, o delegado geral da Polícia Civil, Roberval Maurício e secretária especial de saúde indígena.

O objetivo da comissão é investigar responsabilidade do estado nas mortes de índios nos últimos 15 anos. A CPI foi criada logo após aprovação da CPI do Cimi (Conselho Indigenista Missionário) que apura atuação da entidade como suposta motivadora de conflitos entre índios e produtores rurais. 

Fazem parte da CPI do Genocídio os deputados: João Grandão (PT), presidente; Antonieta Amorim (PMDB). relatora; e como membros Mara Caseiro (PT do B), Professor Rinaldo (PSDB) e Paulo Corrêa (PR).