27 de novembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

Ponta Porã

Deputado é investigado pelo MPE por suposto favorecimento à empresa funerária

A- A+

O deputado estadual Flávio Kayatt (PSDB) é alvo de mais um inquérito do Ministério Público Estadual (MPE) devido a supostas irregularidades praticadas pelo parlamentar enquanto prefeito de Ponta Porã. 

No dia 8 de janeiro deste ano, a Promotoria de Justiça de Ponta Porã instaurou inquérito civil nº 37/PPS/2014/1ªPJPP, que vai investigar uso indevido de veículo oficial por agentes públicos. Kayatt é suspeito de usar veículo oficial GM/Montana, placas JOX 7679, que havia sido "perdido à União em razão de sentença judicial proferida nos autos n. 2008.60.001446-4 da 2ª Vara Federal de Dourados". Além do deputado, um servidor da Prefeitura de Ponta Porã também é alvo da investigação.

Além deste inquérito, o deputado agora é alvo do MPE em investigação quando à favorecimento e empresa do setor funerário. Conforme publicação do Diário Oficial do órgão desta quinta-feira (4), o deputado e empresa Uemura e Cia Ltda são investigados por possíveis práticas irregulares quando ao Termo de Concessão para exploração dos Serviços Funerários e de Cemitérios em Ponta Porã. 

A empresa foi responsável pelos serviços funerários no Município entre anos de 2007 e 2012, período em que Kayatt era prefeito de Ponta Porã. Conforme publicação do MPE, o inquérito nº 08/PPS/2014/1ªPJPPO, vai investigar se houve além de favorecimento à empresa, "omissão deliberada do Município de Ponta Porã em fiscalizar e exigir o cumprimento das obrigações pactuadas". O responsável pela investigação será promotor de Justiça Gabriel da Costa Rodrigues Alves.