20 de outubro de 2020
Campo Grande 30º 21º

Dilma agenda visita à Capital para liberar R$ 491 milhões

O ministro das Cidades, Gilberto Occhi adiou a visita que faria no próximo sábado à Capital devido a uma decisão da presidente Dilma Rousseff (PT), que assinará os contratos entre a Caixa Econômica Federal e a Prefeitura da Capital no dia 9 de junho deste ano, em uma solenidade de liberação dos R$ 491 milhões do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) em Campo Grande.

Dilma fará o anúncio de Mobilidade Urbana e de pavimentação e participa ainda da formatura de alunos do Pronatec (Programa Nacional do Ensino Técnico). O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP) está em Brasília desde ontem discutindo a liberação de recursos para a Capital.

Segundo Olarte, entre os contratos que serão assinados, está o de recapeamento e pavimentação prevê R$ 311 de 400 quilômetros de ruas e avenidas em 16 regiões da Capital. Já o projeto do PAC da Mobilidade Urbana terá um investimento de R$ 180 milhões na construção de corredores do transporte coletivo.

Aproveitando a visita, a presidente participa ainda da inauguração do Conjunto Residencial Nelson Trad, no Jardim Carioca, na saída para Aquidauana, com 808 apartamentos do Programa Minha Casa, Minha Vida. A presidente esteve pela última vez na Capital no dia 29 de abril do ano passado, quando realizou a entrega de 300 ônibus escolares para os municípios.

Dany Nascimento