22 de junho de 2021
Campo Grande 28º 16º

Dupla que aliciava menores para sexo com políticos tinha terceiro alvo, parente de Assis

A- A+

A dupla Fabiano Viana Otero e Luciano Pageu, que criou uma rede de exploração sexual de menores em Mato Grosso do Sul revelou mais um de seus alvos.

Desta vez, o suposto envolvido seria um parente do ex-deputado estadual Sergio Assis (PSB). João, como foi identificado por Fabiano em depoimento à polícia, seria da família de Assis e também havia mantido contato com as garotas para marcar um encontro.

De acordo com Fabiano, Luciano Pageu tinha como objetivo promover primeiro encontro de uma das adolescentes com Assis, na certeza que depois disso, João também sairia com a garota.

Fabiano disse em depoimento que ao contar a Luciano sobre o contato de Assis com a adolescente, intermediado por ele, Luciano respondeu: “se der para sair, pode sair, é mais uma grana que pode entrar”. 

Tanto Fabiano quanto Luciano Pageu estão presos. Fabiano deve ser indiciado por aliciamento de menores e Luciano também acumula contra si a tentativa de extorsão contra ex-vereador Alceu Bueno, ex-PSL, que renunciou ao mandato na última terça-feira para evitar processo de cassação diante da abertura de Comissão Processante, que aconteceria na terça na Câmara Municipal.

Alceu foi filmada pelas adolescentes enquanto mantinha contato íntimos com elas. Segundo Fabiano, foram dois encontros entre o ex-vereador e as garotas. Alceu teria pago R$ 100 por um encontro e R$ 500 pelo segundo encontro com duas adolescentes. Ainda segundo Fabiano, o ex-vereador, evangélico, enviava mensagens para uma das garotas pelo aplicativo WhatsApp dizendo que ela era uma "luz em sua vida".