22 de setembro de 2021
Campo Grande 35º 23º

Política

Girão afirma que falta oxigênio em 70 municípios cearenses

A- A+

Em pronunciamento nesta quarta-feira (17), o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) afirmou que 70 municípios cearenses estão enfrentando problemas com o abastecimento de oxigênio para os pacientes de covid-19. Ele disse que ainda não obteve resposta do secretário de Saúde do seu estado a um ofício que enviou no início do mês, no qual relata o recebimento, pelo seu gabinete em Fortaleza, de queixas sobre a situação no interior do estado.

Girão também informou que se reuniu nesta quarta-feira com o presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) para analisar as denúncias de que cearenses estariam morrendo por falta de oxigênio. Nessa reunião teria sido confirmada a estimativa de que falta oxigênio em 70 municípios do estado. Além disso, ele declarou que fará uma denúncia sobre a situação ao Ministério Público Federal.

O senador ressaltou que enviou ofício ao ministro da Saúde, Eduardo Pazzuelo, que está deixando o cargo, sobre as emendas parlamentares de senadores e deputados federais do Ceará que destinam verbas à compra de usinas de oxigênio. Ele pediu a colaboração das autoridades estaduais nesse esforço e declarou que este não é o momento de brigas políticas.  

O momento agora é de dar as mãos e salvar vidas, de poupar sofrimentos disse.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)