08 de dezembro de 2021
Campo Grande 32º 22º

REDE ESTADUAL

Governador anuncia mais 34 escolas de tempo integral a partir de 2022

Atualmente 98 escolas da rede estadual contam com o ensino em tempo integral

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja anunciou nesta segunda-feira (25.out.21) a implantação de mais 34 escolas de tempo integral na rede estadual de ensino em Mato Grosso do Sul. Assim, ficam tendo 132 unidades neste modelo disponíveis para os estudantes do Estado. O desafio é chegar a 60% das escolas neste sistema até o final de 2022.

"São mais 34 escolas em tempo integral, e assim vamos passar para 132 (escolas), o que representa 40% da rede estadual de ensino neste modelo. Nosso objetivo é reduzir a reprovação, aumentar as aprovações e melhorar índices importantes como o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb)", afirmou o governador Reinaldo Azambuja.

O governador fez o anúncio durante o lançamento do programa "MS Alfabetiza", evento realizado no auditório da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), em Campo Grande. "Estas novas escolas em tempo integral estão dentro da nossa programação, que visa chegar até o final de 2022 com 60% da rede estadual neste modelo", completou.

Atualmente 98 escolas da rede estadual contam com o ensino em tempo integral, o que representa 21,9 mil alunos atendidos. A partir do ano que vem serão mais 34 escolas neste sistema dentro do programa "Escola da Autoria".

"Temos condições de ampliar, respeitando as vocações regionais, com cada região tendo suas peculiaridades e assim abrir uma janela de oportunidades. Os municípios podem procurar a secretaria e a equipe para esta finalidade", completou o chefe do Executivo Estadual.  

MS ALFABETIZA 

Através de parcerias com os municípios, o Programa MS Alfabetiza – Todos pela Alfabetização da Criança – vai implementar uma política de melhoria da aprendizagem nos anos iniciais do Ensino fundamental.

Reinaldo ressaltou que o sucesso na alfabetização contribui para o desenvolvimento do estudante em todas as etapas da educação básica, por isso o MS Alfabetiza é fundamental, em especial, neste momento pós-pandemia.

Segundo ele os investimentos ultrapassam os R$ 8,3 milhões de reais.

Durante a solenidade o governador ainda anunciou a ampliação do total de escolas que trabalham com a oferta do Ensino em Tempo Integral na Rede Estadual de Ensino.

Foto: Edemir Rodrigues