25 de setembro de 2021
Campo Grande 36º 21º

Política

Governo assina contrato para obra de R$ 7,1 milhões na rodovia MS-157, em Itaporã

A- A+

Para melhorar o escoamento da produção e tráfego local, o Governo do Estado assinou contrato para obra de R$ 7,1 milhões na rodovia MS-157, no município de Itaporã. Será feita a restauração do pavimento, adequação da capacidade do tráfego e drenagem de um trecho de 11,40 km.

A empresa vencedora do certame terá o prazo de seis meses para concluir a obra, logo após ordem de serviço expedida pela Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). O contrato assinado foi publicado na terça-feira (14), no Diário Oficial do Estado.

Governador e Eduardo Riedel em Itaporã (Foto: Chico Ribeiro)

Para realizar a obra o governo vai utilizar recursos do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de Mato Grosso do Sul). A restauração e drenagem será na MS-157, em trecho de entroncamento com a BR-267, próximo ao município de Itaporã, é do "lote 3", que dá acesso ao perímetro urbano do distrito de Santa Terezinha.

No mês passado, em Itaporã, o governador Reinaldo Azambuja destacou os investimentos na rodovia, assim como outros projetos na cidade. "A obra da MS-157 é para recuperação total do asfalto que liga Itaporã até a Gleba Santa Terezinha. Ainda tem a obra na MS-162, que é a implantação e pavimentação do entroncamento da BR-267 até a Placa do Abadio, beneficiando Itaporã, Dourados e Maracaju", descreveu.

Para o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, os investimentos no município de Itaporã contribuem para o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul. "Isso faz parte do nosso projeto de investimento para o Estado, que só foi possível através de um longo trabalho". Com esta obra já são mais de R$ 40 milhões em investimentos na cidade de Itaporã, desde o início da atual gestão.

Investimentos

Obra em rodovias de MS (Foto: Saul Schramm)

O governo do Estado já investiu mais de R$ 4,6 bilhões em infraestrutura desde 2015, entre obras de manutenção e pavimentação de rodovias, nas vias públicas, saneamento básico e construção de pontes de concreto. A intenção é criar o ambiente propício para o desenvolvimento e fortalecimento da economia.

Os investimentos em manutenção de rodovias não pavimentadas e de pontes de madeira ultrapassam R$ 1,3 bilhão em seis anos e sete meses de mandato. Durante este período foram feitos mais de 6 mil quilômetros de rodovias cascalhadas e 777 km de estradas implantadas e pavimentadas no Estado.

No começo do ano o governador lançou mais de 11 obras de pavimentação e restauração de 296 km de rodovias estaduais, com custo de R$ 376,9 milhões, para atender diferentes regiões do Estado e assim contribuir com a produção agroindustrial, turismo, escoamento e tráfego local.

"É gratificante para nosso governo realizar obras que atendem diretamente o cidadão sul-mato-grossense, levando infraestrutura e encurtando distâncias entre os polos de produção, potencializando, assim, o agronegócio, atraindo novos investidores", descreveu Reinaldo Azambuja.

Leonardo Rocha, Subcom

Foto do destaque: Edemir Rodrigues/Arquivo

Fonte: Governo MS