GEO AND DEVICES - POR TERO QUEIROZ

MS Notícias

quinta, 28 de maio de 2020

MUDANÇA

Governo troca comandos da PRF e do Departamento Penitenciário Nacional

Foram exonerados os diretores-gerais Adriano Marcos Furtado, da PRF, e Fabiano Bordignon do Depen. Bordignon assumiu a convite de Sergio Moro

Por: G122/05/2020 às 07:43
ComentarCompartilhar
Walter Souza Braga Netto participa de evento no Rio de JaneiroWalter Souza Braga Netto participa de evento no Rio de JaneiroFoto: ERBS JR./FRAMEPHOTO/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

O governo trocou os comandos da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

Foram exonerados os diretores-gerais Adriano Marcos Furtado, da PRF, e Fabiano Bordignon do Depen. Foram nomeados Eduardo Aggio de Sá, para o cargo cargo de diretor-geral da PRF, e Tânia Maria Matos Ferreira Fogaça, paro o cargo de diretora-geral do Depen.

A troca foi registrada na edição do "Diário Oficial da União", publicado na madrugada desta sexta-feira (22.maio), assinada pelo ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto.

O Ministério da Justiça antecipou no dia 14 de maio que a delegada da Polícia Federal (PF) Tânia Fogaça assumiria a chefia do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão vinculado ao ministério.

Tânia Fogaça era superintendente da PF no Rio Grande do Norte.

Fabiano Bordignon havia assumido o posto a convite do ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, que se demitiu do cargo em 24 de abril.

O Depen é responsável pelo Sistema Penitenciário Federal. Conforme o site do órgão, cabe ao departamento o isolamento das lideranças do crime organizado e o cumprimento da Lei de Execução Penal e custódia de:

  • presos condenados e provisórios sujeitos ao regime disciplinar diferenciado;
  • líderes de organizações criminosas;
  • presos responsáveis pela prática reiterada de crimes violentos;
  • presos responsáveis por ato de fuga ou grave indisciplina no sistema prisional de origem;
  • presos de alta periculosidade e que possam comprometer a ordem e segurança pública;
  • réus colaboradores presos ou delatores premiados.

De acordo com o Ministério da Justiça, a nova chefe do Depen é formada em direito pelo Centro Universitário Fieo e pós-graduada em direito constitucional pela Universidade do Sul de Santa Catarina.

O ministério também informou que ela atuou como coordenadora operacional do Centro de Cooperação Policial Internacional da Copa do Mundo de 2014 e integrou o Grupo de Trabalho que idealizou o Inquérito Policial Eletrônico da Polícia Federal (ePol).

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA

O MINISTRO DE ESTADO CHEFE DA CASA CIVIL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA , no uso de suas atribuições e tendo em vista o disposto no art. 4º do Decreto nº 9.794, de 14 de maio de 2019, resolve:

Nº 250 - EXONERAR

ADRIANO MARCOS FURTADO do cargo de Diretor-Geral da Polícia Rodoviária Federal do Ministério da Justiça e Segurança Pública, código DAS 101.6.

Nº 251 - EXONERAR

FABIANO BORDIGNON do cargo de Diretor-Geral do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça e Segurança Pública, código DAS 101.6.

Nº 252 - N O M EA R

EDUARDO AGGIO DE SÁ, para exercer o cargo de Diretor-Geral da Polícia Rodoviária Federal do Ministério da Justiça e Segurança Pública, código DAS 101.6, ficando exonerado do cargo que atualmente ocupa.

Nº 253 - N O M EA R

TANIA MARIA MATOS FERREIRA FOGAÇA, para exercer o cargo de Diretora-Geral do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça e Segurança Pública, código DAS 101.6, ficando exonerada do cargo que atualmente ocupa.

Fonte: G1

Deixe seu Comentário

TV MS

15 de maio de 2020
Ministério da Cidadania fala sobre auxílio emergencial
Ministério da Cidadania fala sobre auxílio emergencial

Últimas Notícias

Ver Mais Notícias
MS Notícias - Sua referência em jornalismo no Mato Grosso do SulRua José Barnabé de Mesquita, 948
CEP 79100.200 - Vila Duque de Caxias
Campo Grande/MS
 (67) 99309.8172

Editorias

Institucional

Mídias Sociais

© MS Notícias. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvimento Plataforma