29 de setembro de 2020
Campo Grande 38º 22º

Irmão de Zeca apoia ex-mulher de Nelsinho Trad

A ex-primeira-dama de Campo Grande, Antonieta Amorim, quer conquistar um das 24 cadeiras da Assembléia Legislativa. Filiada ao mesmo PMDB de seu ex-marido, o ex-prefeito Nelson Trad Filho - que é o pré-candidato do partido a governador -, ela inicia sua pré-campanha percorrendo o interior e na segunda-feira passada conquistou um apoio inusitado na atual conjuntura: o voto antecipado do ex-vereador Ozório Miranda dos Santos, irmão do ex-governador e vereador Zeca do PT.

A manifestação aconteceu na residência do conhecido pecuarista Nininho Cortada, diante de dezenas de convidados, entre os quais o prefeito Heitor Miranda dos Santos (PT), também irmão de Zeca e que foi ao local num gesto de cortesia. A família Santos é amiga de longa data dos Cortada e esta amizade foi enfatizada por Ozório ao citar as razões de seu apoio à candidatura de Antonieta.

Em Porto Murtinho, o PMDB e o PSDB são adversários ferrenhos do PT. Nas duas últimas eleições municipais, peemedebistas e tucanos caminharam unidos contra os petistas. Foram duas disputas duras e decididas de maneira dramática, todas com lances judiciais. Em 2008, o prefeito Nelson Cintra (PSDB) se reelegeu derrotando Heitor por apenas 12 votos. Na sucessão de 2012, e novamente contra Heitor, Cintra apoiou sua vice-prefeita, Rosângela Baptista, do PMDB. Ela teve 81 votos a mais que o petista, mas nem tomou posse poque a Justiça acolheu denúncia de compra de votos formulada pelo Ministério Público e cassou o registro de candidatura de Rosângela, dando posse a Heitor.

O ex-governador e vereador Zeca do PT, que é pré-candidato a deputado federal, é um dos principais opositores à aproximação com o PMDB e admitiu, inclusive, a construção do entendimento com o PSDB para fortalecer o propósito de derrotar o governador André Puccinelli, principal cabo eleitoral de Nelsinho Trad.

Edson Moraes, especial para MS Notícias