30 de novembro de 2021
São Paulo 39º 24º

João Rocha acredita que expulsão de tucanos é atitude precipitada

A- A+

Após as declarações do senador Ruben Figueiró (PSDB/MS), ao afirmar estar decepcionado com os prefeitos e vice-prefeitos tucanos que declararam ontem apoio ao pré-candidato petista Delcídio do Amaral ao governo do Estado, o vereador João Rocha (PSDB), não acredita que a expulsão seria uma atitude precipitada.

Figueiró, em nota, lembrou que o PT é o principal adversário político dos tucanos e exigiu do diretório estadual a “providência enérgica no sentido de que eles sejam afastados da legenda pela gravidade do ato que representa um desligamento tácito”.

Para o vereador, deve ser feita, em um primeiro momento, uma reunião com a executiva do partido e todos os prefeitos e vice-prefeitos que manifestaram a favor de Delcídio. “Esse assunto deve ser tratado de forma interna, deve-se ver a posição de cada companheiro e saber o porquê dessa decisão, para então ser tomada uma providência”, afirmou.

João Rocha elogiou Reinaldo Azambuja, pré-candidato tucano ao governo do Estado,  como um homem de história política e de trabalho, que ajuda e apoia a população.

“Quero aplaudir a decisão de Reinaldo em colocar seu nome para o governo, o PSDB precisa buscar o poder e implementar as políticas boas para o Estado”, afirmou. Além disso Rocha lembrou que sempre foi favorável a uma candidatura tucana própria.

Tayná Biazus