26 de janeiro de 2021
Campo Grande 30º 21º

Mochi garante que PMDB definirá apoio a Dilma Rousseff em 15 dias

O deputado estadual e presidente regional do PMDB (Partido do Movimento Democrático Brasileiro), Junior Mochi afirmou na manhã de hoje, que participou da reunião nacional do partido em Brasília, com a presença do vice-presidente Michel Temmer, para discutir como está o apoio à pré-candidatura da presidente Dilma Rousseff (PT). De acordo com Mochi, vários estados cogitam apoiar a presidente durante as eleições de 2014, porém, apenas o PMDB da Bahia e de Pernambuco se mostraram resistentes ao apoio.

O presidente garante que o próximo passo é reunir o diretório regional para expor o que foi proposto na reunião. “Agora temos que reunir o diretório e transmitir tudo que foi discutido na reunião para depois definir que pré-candidato apoiar. Temos um encaminhamento e uma comissão que foi formada durante o encontro em Brasília para avaliar a situação de cada estado. O próximo passo é sentar e discutir com o partido qual será o melhor caminho a seguir aqui no Estado”, explica o deputado.

Questionado sobre um prazo para definir o apoio à presidente Dilma, Mochi garante que dentro de 15 dias o PMDB anunciará seu apoio. ”Agora vamos avaliar, mas no prazo máximo de 15 dias vamos encaminhar essas questões e se por maioria, o partido concordar em apoiar a Dilma, vamos apoiar, mas se a maioria decidir apoiar outro pré-candidato, vamos apoiar, tudo será decidido pelo partido”.

Junior Mochi (PMDB) ressalta ainda a vontade do governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB) em apoiar a pré-candidatura de Dilma, cogitando até se licenciar do partido, não interfere na pré-candidatura de Nelsinho Trad (PMDB) ao governo do Estado e nem de Simone Tebet (PMDB) ao Senado, já que Puccinelli garantiu que apoiará o PMDB no Estado.

Dany Nascimento