03 de maro de 2021
São Paulo 39º 24º

'Não é golpe'

Moka diz 'manifestação é essencial para acelerar o processo'

Nesta terça-feira (22) 14 senadores governistas pediram ao Conselho Nacional de Justiça a abertura de um processo disciplinar contra o Juiz Federal Sérgio Moro. Os parlamentares consideram ilegais as escutas telefônicas gravadas entre a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula.

Dos senadores que assinaram para que o processo seja aberto apenas um senador do PMDB assinou, foi o Roberto Requião (PMDB/PR). A equipe do MS Notícias entrou em contato com o senador Moka (PMDB/MS), que reafirmou sua posição contra o atual governo e declarou que as manifestações que aconteceram em todo pais foram essenciais para que o processo de impeachment se fortalecesse.

“A minha opinião não vai mudar, eu sou completamente a favor do impeachment, porém isso não depende só de mim, existe um processo para que isso aconteça, mas toda vez que for solicitado para que eu vote, vou votar a favor. Acho que a manifestação que aconteceu em todo Brasil foi fundamental para acelerar esse processo e espero que a população continue indo para rua, pois isso fortalece”.

Moka disse ainda que pode falar não só por ele, mas também pela senadora Simone Tebet (PMDB/MS), ‘sim, nós votamos sim para afastamento do governo’. “Nós não aceitamos esse pensamento de “golpe” o processo é legítimo, é um trâmite natural, eu e a Simone não vamos mudar de opinião, votamos sim para o afastamento do governo”.