20 de abril de 2021
Campo Grande 32º 19º

Eleições 2016

Naviraí: manifestações de apoio e pesquisa estimulam Zelmo

Prefeito em dois mandatos consecutivos (de 2005 a 2012), Zelmo de Brida vê com otimismo a possibilidade de administrar Naviraí pela terceira vez. Desde que confirmou sua intenção de disputar a eleição deste ano pelo PMDB, ele tratou de aferir a receptividade da população e consultar as pesquisas para medir o alcance do projeto político e eleitoral. E revela sentir uma enorme satisfação com os resultados, garantindo que as manifestações de apoio que vem recebendo da população e os indicadores das pesquisas reforçam a garantia de estar no caminho certo.

Hoje, o quadro de possíveis concorrentes à prefeitura está pulverizado, com no mínimo oito pessoas interessadas em participar da disputa. Baseado em pesquisas que confirmam a sua liderança, Zelmo se diz consciente da responsabilidade que as intenções de voto trazem para esta nova etapa de sua vida. Não é apenas confirmar a contundente aprovação dos naviraienses aos seus dois mandatos de prefeito, mas também por sentir a necessidade de corresponder a expectativas renovadas de um eleitorado cada vez mais exigente.

O que chama a atenção é que o favoritismo atribuído ao ex-prefeito está desenhado numa eleição que, em princípio, tem tudo para ser das mais difíceis por causa do grande número de pretendentes. Além do atual prefeito Léo Matos, que tentará se reeleger, o Executivo de Naviraí está na mira de outras lideranças que representam vários partidos e forças sociais.

A lista de opções para a disputa majoritária inclui quem assume a intenção de candidatar-se e os que tratam a questão com maior cautela, destacando-se nomes como os do vereador e advogado Antonio Carlos Klein; os empresários Renê Walter (Renê da Dcoil), Elton Vinícius Capucci e Luís Henrique Bruno de Almeida (Bruno do Hotel); o engenheiro agrônomo e ex-vice-prefeito Ronaldo Botelho; Jair Alvs dos Santos (Jair do IBGE); os médicos Ronaldo Alexandre e Nelson Donadel; o vereador Dejalma Marques de Oliveira (Gil do Táxi); e o Pastor Josafá de Carvalho.