08 de dezembro de 2021
Campo Grande 32º 22º

Política

No azul pelo nono mês consecutivo, MS cria 2,7 mil vagas de empregos em setembro

A- A+

Mato Grosso do Sul fechou o mês de setembro com a abertura de 2.776 vagas formais de empregos, aquelas com carteira assinada, conforme dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgados pelo Ministério da Economia nesta terça-feira (26).

A quantidade de vagas criadas no périodo é o saldo entre contratações e demissões em todo o Estado - 23.785 admissões contra 21.009 desligamentos.

O Estado fechou o Caged no azul pelo nono mês consecutivo. Desde o início de 2021, Mato Grosso do Sul vem registrando bons números na criação de empregos formais: 3.697 vagas criadas em janeiro, 7.044 em fevereiro, 5.042 em março, 4.151 em abril, 4.108 em maio, 3.503 em junho, 3.656 em julho e 2.807 em agosto.

No acumulado do ano, o Estado contabiliza a abertura de 36.784 vagas de trabalho - saldo de 204.562 contratações e 167.778 demissões. Com variação relativa de 6,92%, Mato Grosso do Sul está entre os 10 estados que mais geraram empregos no Brasil em 2021, na frente de grandes estados como São Paulo (6,43%), Rio Grande do Sul (5,25%) e Rio de Janeiro (3,90%).

Destaque por setores

Em Mato Grosso do Sul, o setor de serviços foi o que mais contratou no mês de setembro. Foram 1.311 oportunidades abertas, com destaque nas atividades administrativas (305 vagas criadas) e também na área da educação (210).

Na sequência, aparecem os setores de comércio (895), construção (642) e agricultura (94), que também fecharam o mês no azul. Já o segmento da indústria encerrou setembro no vermelho, com o saldo negativo de 166 vagas.

Bruno Chaves, Subom
Foto: Saul Schramm

Fonte: Governo MS