16 de agosto de 2022
Campo Grande 33º 23º

ELEIÇÕES 2022

No estado da fila para pegar osso, Bolsonaro mantém liderança e Lula "cresce"

Instituto Percent Brasil Pesquisas e Informação realizou nova pesquisa entre os dias 1 e 6 de junho de 2022

A- A+

Na Capital do Mato Grosso, Cuiabá, no final de 2021 moradores formaram uma enorme nos fundos de um açougue do Bairro CPA 2, para pegar ossos doados pelo estabelecimento. Dezenas de famílias que estavam no local contaram na época que estavam passando fome na gestão de Jair Bolsonaro (PL).

Em contraponto ao cenário desolador mostrado aqui no MS Notícias, a pesquisa das eleições de 2022 para a Presidência da República em Mato Grosso, realizada pelo instituto Percent Brasil Pesquisas e Informação, entre os dias 1 e 6 de junho de 2022, apontou que o presidente Jair Bolsonaro (PL) liderando, porém, o ex-presidente Lula (PT) cresceu 10 pontos percentuais em relação a fevereiro, quando uma mostra foi realizada no estado.

De acordo com o Percent Brasil, Bolsonaro tinha 47,7% das intenções de voto na modalidade estimulada (quando os candidatos são apresentados pelo pesquisador), em fevereiro deste ano e continuou com a mesma porcentagem. Em junho, ele permaneceu praticamente intacto, com 47,5% dos entrevistados afirmando que votariam nele.

O ex-presidente Lula, no entanto, demonstrou uma evolução significativa. O petista tinha 22,5% das intenções de voto na pesquisa de fevereiro, contra 32,6% no apontamento feito em junho, pelo Percent Brasil. Foram 10,1% a mais de eleitores, em uma margem de pouco mais de três meses.

O terceiro colocado é Ciro Gomes (PDT), que assim como Bolsonaro, também ficou estagnado, tendo registrado 4,7% em fevereiro e 4,3% em junho.

Simone Tebet fecha a lista, tendo apontado 1,3% das intenções de voto em fevereiro e apenas 0,8% na pesquisa deste mês.

A pesquisa foi realizada pelo Percent Brasil entre os dias 1 e 6 de junho de 2022 e tem margem de erro de 3,44% para mais ou para menos. Foram entrevistadas 812 pessoas, por telefone e a amostragem tem intervalo de confiança de 95%. Ela está registrada no TRE sob o número 00632/2022.

ESPONTÂNEA E SEGUNDO TURNO

Na avaliação espontânea, quando não é apresentada a lista de candidatos, Jair Bolsonaro lidera com 43,8% dos votos. Lula aparece com 26,6% e Ciro Gomes com 1,3%.

A senadora Simone Tebet possui 0,2%, assim como Luiz Felipe D'Avila e Pablo Marçal. André Janones tem 0,1%, empato com o ex-juiz Sérgio Moro, que não será candidato a presidente.

Em um eventual segundo turno, Bolsonaro levaria vantagem em Mato Grosso com cerca de 13 pontos percentuais de diferença. O atual presidente tem 48,4% das intenções de voto, contra 35,4% do ex-presidente Lula. A pesquisa apontou ainda que 6,5% dos eleitores anulariam o voto e outros 9,2% estão indecisos.

A rejeição também aponta vantagem para Bolsonaro, em Mato Grosso. Segundo a pesquisa, 42,8% dos entrevistados afirmou que não votariam no ex-presidente Lula de forma alguma. O atual presidente também não seria votado por 32,3% dos eleitores, de acordo com o apontamento do Percent Brasil. 

Fonte: FolhaMax