15 de junho de 2021
Campo Grande 28º 15º

Número de urnas substituídas diminui no segundo turno

A- A+

A justiça eleitoral registrou uma significativa redução de urnas eletrônicas substituídas do primeiro para o segundo turno das eleições 2014. Durante o pleito, das 361.435 urnas sem identificação biométrica, incluindo as utilizadas para justificativas, foram substituídas, no primeiro turno, 3.693 urnas eletrônicas.

Já no segundo turno, esse número caiu para 2.499, apresentando uma redução de 32,33%. Quanto às 72.622 urnas eletrônicas com identificação biométrica, também incluídas as de justificativas, a justiça substituiu 1.582 urnas no primeiro turno, e 981 no segundo turno, registrando queda de 37,99% nas substituições.

Entre os municípios com 100 ou mais seções eleitorais, o que teve maior número de urnas substituídas foi Palmares (PE), com a troca de oito das 121 urnas eletrônicas, todas com identificação biométrica.

No segundo turno, ficou o município de Almirante Tamandaré (PR), que teve 12 das 183 urnas eletrônicas substituídas, seguido de Moreno (PE), com a substituição de oito das 123 urnas, essas também com identificação biométrica. Outros dois municípios do Rio Grande do Sul, Camaquã e Canguçu, tiveram 10 das 155 e 158 urnas, respectivamente, trocadas.

Apenas três seções eleitorais em todo o país realizaram votação manual, sendo uma em São Paulo (SP), outra em Unaí (MG), e em João Alfredo (PE).

 Dany Nascimento