05 de maro de 2021
Campo Grande 28º 21º

BASTIDORES

Olavo volta a brigar na internet, agora com general Cruz: 'seu merda'

O motor da crise é uma declaração de Santos Cruz, em abril

 Numa sucessão de 13 tweets entre a tarde de domingo e manhã desta segunda (6), Olavo de Carvalho, o guru de Bolsonaro, abriu uma ruidosa guerra contra o general Carlos Alberto dos Santos Cruz, ministro da Secretaria de Governo. O objetivo é derrubar Cruz, o segundo titular da pasta no governo Bolsonaro -o primeiro, Gustavo Bebbiano, caiu em 18 de fevereiro em meio a um confronto com o clã Bolsonaro. Carvalho afirmou que o general é "um merda" e lançou a palavra de ordem para a demissão do general-ministro: "ninguém votou para ter um governo de generais tucanos".

O motor da crise é uma declaração de Santos Cruz, em abril, para quem deveria algum processo de regulamentação das mídias no país, inclusive as sociais. A declaração foi o estopim da guerra do olavismo e do bolsonarismo e ganhou corpo com um tweet do próprio Jair Bolsonaro neste domingo (5), desautirizando indiretamente o general. Escreveu o presidente que em seu governo não haverá  "qualquer regulamentação da mídia, aí incluída as sociais. Quem achar o contrário recomendo um estágio na Coréia do Norte ou Cuba".

Com a confusão aumentando a semana dever ser marcada pela articulação da derrubada do general Santos Cruz. Veja a seguir o tweet de Bolsonaro e a sequência de ataques de Olavo de Carvalho entre este domingo e a manhã desta segunda (6).