17 de abril de 2021
Campo Grande 31º 20º

Para Dilma aumento de expectativa de vida força reforma da Previdência Social

Presidente Dilma Rousseff (PT) disse nesta quinta-feira (7) que a Previdência Social precisa passar por reforma em função da quantidade de idosos que o Brasil terá nos próximos anos. De acordo com Dilma, a população brasileira está envelhecendo, e trouxe aumento na expectativa de vida nos últimos anos em torno de 4,6 anos.  

As alterações para o calculo da aposentadoria, sancionadas em novembro, levam em conta a soma da idade e o tempo de contribuição do segurado, denominada regra 85/95 progressiva. Alcançados pontos necessários, o trabalhador irá receber benefício integral, e haverá a aplicação do fator previdenciário.

De acordo com Dilma, há várias formas de lidar com a questão da Previdência. “Os países desenvolvidos buscaram aumentar a idade mínima de acesso à aposentadoria. Tem outro caminho que é o 85/95 móvel, progressivo, que resultará na mesma convergência. Em todos os dois casos, uma coisa vai ter de ser considerada: não se pode achar que se afetam direitos adquiridos, ressalta presidente