12 de junho de 2021
Campo Grande 25º 14º

Rose Modesto reafirma presença feminina no governo do Estado

A- A+

A vice-governadora e senadora eleita, Simone Tebet (PMDB), se mostrou bastante contente com a vitória de Reinaldo Azambuja (PSDB) ao governo de Mato Grosso do Sul, e mais satisfeita ainda por Azambuja ter uma mulher ao seu lado, a vice-governadora eleita, Rose Modesto (PSDB), que irá sucedê-la. Para a atual vice, ter consecutivamente uma mulher na cadeira de vice-governadora é um dado positivo, que mostra que as mulheres estão ocupando paulatinamente o espaço dentro da política. “Temos capacidade de construir um Mato Grosso do Sul e um Brasil. Fico feliz também pois, além de mulher, a Rose é professora, é uma pessoa correta e bem intencionada”. Além disso, outro fator importante para Simone é de que, mesmo com um espaço ainda pequeno dentro da política, as mulheres o ocupam sem confronto e com tranquilidade, pois tem o conhecimento de que tanto o papel feminino quanto o masculino é importante dentro dessa carreira. “Eu espero que daqui para frente isso seja constante. Se não pudermos ter uma governadora, que tenhamos então uma vice ao lado dos homens”. Simone disse que não é a pessoa indicada para dar conselhos a nova vice, mas deixa um depoimento para Rose. Inicialmente, a vice disse que é muito importante ter o conhecimento de que, esse cargo é um mero substituto eventual do governador, e por esse motivo citou seu exemplo de quando assumiu a cadeira. De acordo com ela, o governador André Puccinelli (PMDB) a questionou se havia interesse em alguma secretaria e Simone se dispôs a ajudar em três, a de educação, assistência social e indústria e comércio. “Eu pedi para ajudar, independente do cargo, para trabalhar”. Finalizando, novamente Simone deixa outro recado para Rose, caso ela assuma uma secretaria ou não, aos olhos da atual vice, Rose tem condições em ajudar igualitariamente o governador eleito, não precisando estar em secretarias para que isso aconteça. “Caso ela(Rose) queira atuar em alguma pasta, isso irá enaltecer ainda mais as mulheres” Tayná Biazus