01 de outubro de 2020
Campo Grande 41º 22º

Paulo Corrêa afirma que Puccinelli faz "charminho" e garante apoio a Delcídio

Ao falar da possível pré-candidatura do governador André Puccinelli (PMDB) ao Senado, o deputado estadual Paulo Corrêa (PR) expressou indignação ao tocar neste assunto durante a sessão ordinária na ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) na manhã de hoje. O deputado afirmou que Puccinelli fica fazendo “charminho” e embarga as decisões de vários partidos do Estado. “Ele fica fazendo charminho na hora de decidir se vai ou não ao Senado, ao invés de decidir logo e pronto. Ele tem que parar com esse negócio de não sei e anunciar logo se vai ou não”.

Ressaltando apoio total ao senador e pré-candidato ao governo do Estado, Delcídio do Amaral (PT), o deputado garante que terá uma reunião no próximo dia 15 de abril com o PR (Partido da República) e pretende defender o apoio ao Delcídio. “Eu defendo a pré-candidatura do Delcídio, mas temos que resolver com o partido. Dia 15 teremos uma reunião para definir nosso apoio, porque tudo depende do que o governador vai decidir sobre a pré-candidatura, enquanto ele ficar enrolando, não podemos definir nada, tudo depende do caminho que ele vai seguir”, explica o deputado.

Paulo Corrêa faz questão de deixar claro que o apoio a Delcídio ainda não é uma decisão partidária e sim pessoal. “Essa opinião de apoiar Delcídio é minha, claro que eu vou tentar convencer os membros do partido a apoia-lo, mas por enquanto essa é uma vontade minha, eu sempre fui Delcídio e nunca neguei isso”.

Dany Nascimento