07 de maro de 2021
Campo Grande 30º 20º

Eleições 2016

PDT aguarda resultado de pesquisa para definir candidato na Capital

O nome do futuro candidato a prefeito de Campo Grande pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT) será definido em junho após resultado de pesquisas feita nos últimos meses. A informação foi confirmada na manhã desta quarta-feira (23) pelo deputado federal Dagoberto Nogueira, presidente regional do partido.

De acordo com Dagoberto, a sigla encomendou pesquisa interna para avaliar os nomes. Os resultados serão apresentados mensalmente, mas o nome será definido em junho quando será feita a última pesquisa, que vai trazer resultados de abril, maio e junho.

“No final do ano passado, durante reunião com o partido foi decidido que teremos candidato próprio em Campo Grande. Isso já está definido”, afirmou Dagoberto. O parlamentar adiantou que o partido já tem 57 pré-candidatos a vereador na Capital.

Entre os nomes dos pré-candidatos estão do próprio deputado, da ex-vereadora Thereza Namme e do empresário Mafuce Kadri. A pesquisa apontará quem tem mais aprovação da população.

Pré-candidata

A ex-vereadora Thereza Namme disse à reportagem do MS Notícias que colocou seu nome à disposição do partido para contribuir com a sigla e busca o melhor por Campo Grande. “Coloquei meu nome para ajudar o partido naquilo que for necessário, ou para vereadora, prefeita ou vice”, explicou.

Thereza também defende que o PDT tenha candidato próprio na Capital. “Estamos caminhando para isso. Nós temos que contribuir de alguma forma, a população tem solicitado muito a minha volta à vida pública. Quero o melhor para Campo Grande”, ressaltou.

Rompimento com Bernal

O deputado Dagoberto disse que o partido não faz parte da base do atual prefeito Alcides Bernal, mas garantiu que o ex-vereador Paulo Pedra continua no partido mesmo depois de ter mandato cassado pela Justiça Eleitoral. “Ele só voltou a militar no partido”, afirmou.

Também afirmou que a permanência de Pedra como secretário de Bernal 'é uma decisão pessoal e não do partido'. "Ele foi prestigiado pelo Bernal, precisamos respeitar”.  Dagoberto adiantou que embora Pedra não possa disputar cargo eletivo, o PDT deverá lançar filha de Pedra como candidata a vereadora na Capital.