28 de setembro de 2020
Campo Grande 34º 24º

PR pede vaga de vice-governador para formar aliança no Estado

Paulo Correa2-1O deputado estadual Paulo Corrêa (PR) garantiu que o PR (Partido da República) ainda não definiu uma possível aliança no Estado e destaca que o objetivo é coligar com o partido que oferecer o melhor plano de governo. De acordo com o deputado, seu partido já conversou com os pré-candidatos ao governo do Estado, Delcídio do Amaral (PT), Nelson Trad Filho (PMDB) e com o deputado federal Reinaldo Azambuja (PSDB) que ainda não decidiu se concorrerá ao governo do Estado ou ao Senado nas eleições de 2014.

“Já conversamos com Delcídio, Nelsinho e com o Azambuja e explicamos qual será nossa condição para apoiar um partido durante as eleições. Queremos a vaga de vice-governador para um membro do partido. Eu particularmente defendo o nome do deputado Londres Machado (PR) para ocupar a vaga de vice. O nome do Londres agrada muitos membros do PR, mas isso ainda será definido pelo partido”, explica Paulo Correa.

Questionado sobre a possibilidade de um partido oferecer a vaga de vice-governador para o PR, mas indicando um nome para compor a chapa, Paulo Correa garante que o nome indicado será escolhido pelo Partido da República. “O nome para compor uma chapa será escolhido pelo nosso partido e não pelo partido que oferecer a vaga”.

Paulo Correa faz questão de expressar que sua vontade pessoal de se aliar ao PT (Partido dos Trabalhadores) em Mato Grosso do Sul, caminhando ao lado do pré-candidato ao governo do Estado, Delcídio do Amaral, mas ressalta que tudo será definido pelo partido.

Dany Nascimento e Tayná Biazus