08 de maro de 2021
Campo Grande 30º 20º

Pré-candidata

Prefeito tem que saber pelo menos tapar buracos, diz pré-candidata em ato do SD

Uma boa gestão pressupõe, “no mínimo, saber tapar buracos”, disse a pré-candidata do PSDB à Prefeitura da Capital, Rose Modesto. A declaração foi feita nessa terça-feira à noite em ato do Solidariedade (SD) no Centro Comunitário da Vila Sobrinho, promovido para receber novas filiações e apresentação da pré-candidata à Câmara Nieli Barbieri. 

Essa foi a oitava reunião preparatória da campanha eleitoral do SD desde que o partido anunciou seus pré-candidatos. Até agora Rose Modesto participou de todos os atos do SD. 

Aproximadamente 300 pessoas participaram da reunião, conduzida pelo vice-presidente regional do SD, Alessandro Menezes, e o diretor de Comunicação do partido, jornalista Bosco Martins. O SD programou ainda mais quatro encontros de apresentação de pré-candidatos da chapa proporcional – nessa quarta-feira, com André Taxista, quinta, da pré-candidata Cida do Jardim Colúmbia, na sexta, com o radialista Lucas Lima, e, no sábado, com Lu Paniago.

Em seu discurso, a pré-candidata tucana falou sobre o sumiço de 30 mil doses de vacina contra a gripe H1N1. Na opinião dela, é um caso “gravíssimo” que deve ser investigado e se houver responsabilização “a punição deve ser exemplar”. Rose Modesto disse estranhar que a Prefeitura da Capital, com orçamento de R$ 3 bilhões, não consegue cumprir atribuições básicas, como conservar as vias públicas e manter os serviços de saúde. Rose criticou a “desfaçatez” com que a ajuda oferecida pelo Governo do Estado para asfaltar vias expressas da Capital foi recusada e destacou que em eventual gestão do PSDB haverá três programas com suporte do Governo do Estado, de valorização e equiparação do piso aos professores, estrutura de segurança pública e a Caravana da Saúde. 

 

Atestado de idoneidade

 

O dirigente estadual Bosco Martins criticou a “onda de denuncismo”, que coloca todas as mazelas no mesmo saco e reafirmou a correspondência entre o que a população espera de seus governantes e a postura da pré-candidata tucana. 

Bosco Martins mencionou informação divulgada pelo Ministério Público “atestando a idoneidade” de Rose Modesto. “Ela foi investigada durante quase dois anos e nenhum indício de envolvimento em ato ilícito, Rose é uma pessoa do bem e comprovadamente ficha limpa. Ela faz parte do novo modelo de fazer política implementado pelo governador Reinaldo Azambuja, que tem na transparência um dos princípios da gestão”, disse Bosco Martins. 

A pré-candidata à Câmara, Nieli Barbieri, representante da região formada pela Vila Planalto, Vila Sobrinho, Cabreúva, Santo Amaro, Zé Pereira, Copasul e Vila Nasser, disse que há 10 anos milita no movimento com unitário e seu objetivo é fortalecer uma frente em defesa dos direitos da mulher, da criança e do idoso.