28 de novembro de 2021
Campo Grande 32º 21º

Prefeitura de Bela Vista decreta luto após morte de prefeito investigado

A- A+

O prefeito Douglas Gomes (PP) de Bela Vista decretou luto oficial de três dias pela morte do ex-prefeito Renato de Souza Rosa, encontrado morto na manhã da última quinta-feira (29). 
Renato sofria de depressão há alguns meses. O ex-prefeito foi afastado do cargo por 180 por solicitação do MPE (Ministério Público Estadual) que investiga possível pratica de improbidade administrativa praticada por Renato por ele não ter pago salário de servidores e ter gastos acima da média com festas, publicidade e frete particular. O corpo de Renato será enterrado nesta sexta-feira (30) as 9 horas da manhã no cemitério da cidade. 

Nota de pesar

Em nota, a Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul) por meio de seu presidente, Juvenal Neto, lamentou a morte do prefeito afastado. 
"Recebemos com muito pesar a notícia sobre o falecimento dele, porque o doutor Renato era um grande administrador público e um companheiro na luta municipalista. É muito triste saber que ele deixa muito cedo uma família bonita e um histórico de homem público comprometido com o municipalismo, apesar das adversidades que todos nós gestores temos de enfrentar por conta de situações que muitas vezes somos incapazes de resolver”, disse o presidente. 

Morte
Renato foi encontrado em Jardim com um tiro no peito por uma pistola calibre 635, com apenas uma munição, de onde possivelmente saiu o tiro. O boletim de ocorrência foi registrado pela Polícia Civil como suicídio. 

Rosa assumiu a prefeitura de Bela Vista em 23 de julho de 2013 e foi afastado em 17 de agosto de 2015. Foi eleito prefeito em eleição suplementar realizada no dia 7 de julho de 2013, com 4.863 votos (41,84% dos votos válidos). Tinha sido vereador do município entre 1997 e 2000 e, em 2012, se candidatou a chefe do Executivo, sendo derrotado pelo prefeito cassado Abraão Zacarias (PMDB).