01 de outubro de 2020
Campo Grande 41º 24º

Prefeitura decreta ponto facultativo para funcionários do Paço Municipal

A prefeitura decretou ponto facultativo para os funcionários que trabalham no Paço Municipal. O secretário de administração Valtemir Alves Brito foi até a prefeitura há poucos minutos e anunciou o ponto facultativo para os funcionários do Paço pelo fato de a prefeitura estar lacrada pela PM (Polícia Militar) para que seja realizada perícia no prédio da prefeitura para confirmar se hou ou não furto de documentos e objetos. Segundo informações da assessoria de imprensa da prefeitura, o prefeito Gilmar Olarte (PP), que teve seu cargo restabelecido na madrugada de hoje por meio e nova liminar, já retornou de Brasília e aguarda que o ex-prefeito cassado Alcides Bernal (PP) seja notificado sobre a decisão. Além disso, a equipe de Olarte espera pela perícia que será feita pela polícia devido aos objetos e documentos que foram retirados ontem por ex-secretários. A equipe do MS Notícias conversou com a Ex-Secretária Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Jaqueline Hildebrand que nega que a equipe de Bernal tenha retirado documentos da prefeitura. Segundo Jacqueline as salas estavam todas trancadas. "Fui na Sedesc com a Dharleng e estava tudo trancado", afirma. No entanto, ontem, a ex-titular da Sedesc, Dharleng Oliveira foi flagrada por funcionários entrando no gabinete da secretaria e retirando documentos. Segundo funcionários, Dharleng teria, inclusive, retirado adesivos do PMDB da sala de edil Albuquerque, titular da pasta, e rasgado fotos pessoais do secretário. Heloísa Lazarini e Dany Nascimento