28 de outubro de 2020
Campo Grande 28º 21º

Presidente do PTB rebate Shimabukuro e garante que partido fica com PT

Ao contrário do que o vereador Edson Shimabukuro afirmou na manhã de ontem, ao dizer que existe a possibilidade de o PTB se aliar ao PSDB, do pré-candidato ao governo do Estado, Reinaldo Azambuja, o presidente regional do partido, Ivan Lousada afirma que a sigla não está rachado e 100% dos membros são a favor dessa aliança. “A partir da decisão soberana se terá certeza do apoio ou não ao PT, eu vou lutar para ficarmos com Delcídio do Amaral (pré-candidato ao governo do Estado pelo PT)  e a maioria do partido é a favor dessa união”. Shimabukuro havia dito ontem que o partido seguirá rachado até o dia 24 de junho, dia da convenção, destacando ainda que, alguns membros da sigla estão descontentes com a aliança com os petistas. Ao ser questionado sobre a veracidade de uma possível proposta que os tucanos fizeram ao partido, oferecendo a vaga de vice-governador, isso afirmado por Shimabukuro, Lousada foi sucinto e reafirmou não ter recebido nenhuma proposta ou convite dos tucanos, sendo o PT o único partido que buscou o PTB. Indagado sobre uma candidatura própria, Ivan garante que o partido não tem condições para essa realização. “Como vamos fazer uma candidatura própria se não tem chapa para deputado federal, não tem chapa pra deputado estadual e se o partido não tem aliados?” Para Lousada essas afirmações do vereador não passam de especulações com intuito de tumultuar o processo eleitoral. “Isso não existe, não passam de rumores, deve-se respeitar o partido”, finalizou. Tayná Biazus