22 de junho de 2021
Campo Grande 28º 16º

PT do B discute deixar base de Olarte e Romero é nome para compor CPI

A- A+

O vereador Otavio Trad, do PT do B, informou hoje, ao MS Notícias, que o partido irá se reunir nesta tarde para discutir a possibilidade de deixar a base do prefeito Gilmar Olarte. 

Ontem, o vereador Eduardo Romero se declarou independente e assinou o requerimento de criação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) das Finanças que irá investigar o desequilíbrio das contas públicas do município durante a gestão e Olarte.

Segundo Otavio, o posicionamento de Romero suscitou entre ele o vereador Flávio César, ambos do PT do B, a discussão sobre continuar ou não na base já que ambos admitem descontentamento com prefeito diante da crise na qual Campo Grande se encontra.

?Caso os dois vereadores do PT do B se declarem também independentes, a base de Olarte diminui ainda mais. Atualmente, o prefeito conta com 14 vereadores. 

Chiquinho Telles (PSD), Chocolate (PP), José Chadid, Eduardo Romero se declaram independentes. A bancada do PT composta por três vereadores, mais Luiza Ribeiro do PPS, Cazuza do PP e Paulo Pedra do PDT são de oposição. O vereador Carlão, do PSB, também anunciou ontem que irá conversar com direção estadual do partido para definir seu posicionamento em relação ao prefeito, mas tudo indica que Carlão, até pela junção do PSB com PPS que deve acontecer nos próximos dias, deve se declarar independente.