01 de agosto de 2021
Campo Grande 27º 13º

Puccinelli dá indícios de que disputará o Senado e afirma que está pronto para "comer uns tucanos"

A- A+

Dando indícios de que entrará na disputa pelo Senado, o governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli (PMDB) afirmou hoje que já tomou a decisão sobre disputar ou não as eleições de 2014 e deixou claro que a decisão será divulgada amanhã por meio de nota. “Se é para o bem do povo eu fico (risos). O anúncio será realizado amanhã, acho que vou comer um tucano”.

Questionado sobre os resultados divulgados por pesquisas do Ipems, que apontou um empate técnico entre  os pré-candidatos a governador Delcídio do Amaral (PT) e Nelson Trad Filho (PMDB) em Campo Grande, o governador ressaltou que ninguém divulgou pesquisas que mostram seu nome com uma vantagem significativa ao ser comparado com o deputado federal Reinaldo Azambuja(PSDB). “Fico feliz com o resultado, mas ainda não divulgaram o resultado das pesquisas de intenção de votos para o Senado do Andrezinho”.

André participa na tarde de hoje do Programa Agrinho, que leva o agronegócio a crianças e adolescentes que estudam do 1° ao 9° ano, fornecendo orientações sobre meio-ambiente, cidadania, cultura e desenvolvimento sócia, realizado em parceria com as secretarias Estadual e Municipal de Educação. Em Mato Grosso do Sul, a perspectiva é atender inicialmente 32 mil alunos em oito municípios do Estado. O programa é realizado pelo governo do Estado em parceria com o Senar/MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e a Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul ).

Dany Nascimento e Heloísa Lazarini