23 de junho de 2021
Campo Grande 30º 17º

Reinaldo inaugura reforma de escola e defende mais incetivos na Educação

A- A+

O governador Reinaldo Azambuja (PSDb) entregou hoje a reforma da escola estadual Pe. Mario Blandino.

A ação foi desenvolvida através do projeto “Pintando a Educação com Liberdade”, realizado por meio de parceria entre a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS), e o Conselho da Comunidade e Secretaria de Estado de Educação (SED). 

O custo da reforma foi de cerca de R$ 120 mil, dos quais R$ 91 mil foram com recursos descontados de salários que são pagos a todos os internos de Campo Grande, ou seja, custeados pelos próprios internos. Ao todo, 14 internos trabalharam na obra que durou dois meses, de 10 de dezembro de 2014 a 12 de fevereiro deste ano.

De acordo com o diretor do Centro Penal Agroindustrial da Gameleira, Tarley Cândido Barbosa, a reforma compreendeu a parte hidráulica e elétrica, colocação de forro, reforma do bebedouro, pintura das paredes internas e externas, troca de portas, janelas, muros e grades, piso instalação de luminárias, troca de interruptores, instalação de calhas, serviço de jardinagem, reforma da calçada na frente da escola e troca de vidros quebrados.

Até a horta da escola foi ampliada; as mudas serão provenientes da plantação do Centro Penal da Gameleira, onde o trabalho de horticultura também é desenvolvido junto aos custodiados. Para o presidente do TJMS, desembargador João Maria Lós, a reforma da escola mostra um trabalho de pequenas parcerias com resultados grandiosos.

“Não é apenas uma obra, é um trabalho de ressocialização de quem algum dia cometeu um erro e agora tem oportunidade de vislumbrar um novo horizonte”, disse. A diretora do colégio, Marilene Ribas, completou: “é humildade, dedicação e respeito que contribuíram para a entrega dessa obra”.