25 de janeiro de 2021
Campo Grande 29º 21º

"Resultado de pesquisa me anima a trabalhar mais", afirma Delcídio

O pré-candidato do PT ao governo do Estado, senador Delcídio do Amaral, considerou “muito bons” os números da pesquisa  divulgada ontem que o colocam na liderança da disputa eleitoral no Estado, com possibilidade, inclusive, de vitória no primeiro turno. O levantamento, feito pelo IBRAPE a pedido da Federação das Indústrias-FIEMS, revela que, se as eleições fossem hoje, Delcídio teria 51 % dos votos válidos, Nelsinho Trad (PMDB) 27% e Reinaldo Azambuja (PSDB) 19%. Os demais candidatos ,  Marcos Monje (PSTU), Luiz Pedro (PTN) e Sidney Melo (PSOL) aparecem, cada um, com 1%.  “Esse resultado me anima a trabalhar cada vez mais por Mato Grosso do Sul. Além do esforço desenvolvido desde a posse no Senado, em 2003, que resultou na vinda de aproximadamente R$ 1 bilhão e 800 milhões em investimentos federais para o Estado,  eu sempre fiz política de maneira limpa, democrática e transparente.  Visito as cidades, converso com as pessoas, ouço críticas e sugestões, debato com prefeitos, vereadores e líderes comunitárias as prioridades de cada um dos municípios. Acho que a população reconhece e aprova isso. E depois que a gente for para as ruas, com toda a campanha organizada, acredito que os números serão ainda melhores”,  comentou o pré-candidato , durante entrevista concedida nesta hoje em Dourados. A pesquisa FIEMS/IBRAPE foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o nº TSE/BR 00178/2014 e no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral) de Mato Grosso do Sul com o nº TRE/MS 00019/2014. O Ibrape ouviu, entre os dias 18 e 22 de junho , 1.860 pessoas de todas as regiões do estado. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos e o grau de confiança de 95%. Heloísa Lazarini com informações assessoria