11 de abril de 2021
Campo Grande 33º 22º

Afastamento

Saraiva aguarda documentos da prefeitura para pedir abertura de Comissão Processante

O vereador Airton Saraiva (DEM) não desistiu da ideia de afastar o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). Saraiva retomou assunto durante sessão da Câmara na manhã desta quinta-feira (31) e explicou a jornalistas que aguarda envio de documentos solicitados a secretarias municipais para análise, mas caso fique comprovado que houve ato de improbidade administrativa, vai pedir afastamento do prefeito.

“Se relatório provar que ele cometeu improbidade administrativa afastamos ele por 180 dias e nesse caso quem assume é presidente da Casa [vereador João Rocha-PSDB].”

Para o vereador, Bernal pode ter cometido crime de improbidade ao assinar contratos emergenciais e também por falhas no fornecimento da merenda escolar aos alunos da Rede Municipal de Ensino (Reme). No caso da merenda, por exemplo, a licitação para compra de produtos alimentícios acontece nesta quinta, 45 dias após início das aulas. Enquanto isso, pais de alunos de Centros de Educação Infantil e de escolas municipais denunciam falta de alimentos no cardápio dos alunos. 

Saraiva defende afastamento imediato de Bernal. Para o vereador, assim que for instaurada Comissão Processante para investigar se prefeito praticou ou não crime de improbidade, o chefe do executivo deve ser afastado. “Estou esperando, essa semana, chegar documentos de alguns órgãos. Aí sim, poderemos abrir Comissão Processante e pedir afastamento. A cidade continuará trabalhando e funcionando normalmente”.