23 de outubro de 2021
Campo Grande 30º 20º

Eleições 2016

Sem Barbosinha, PSB desiste de candidatura própria em Dourados

A- A+

Com a ida do deputado estadual José Carlos Barbosa (PSB), Barbosinha, para Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) de Mato Grosso do Sul, o Partido Socialista Brasileiro (PSB) fica sem opção de candidato para disputar a sucessão de Murilo Zauith, do PSB, em Dourados - distante 228 quilômetros de Campo Grande. 

O convite feito pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) pegou de surpresa os dirigentes do partido no Estado. Isso é o que diz a presidente regional do PSB, deputada federal, Tereza Cristina. Segundo deputada, a decisão de assumir a Sejusp é pessoal e não uma deliberação do partido. "Foi meio de surpresa esse convite, foi uma decisão pessoal do deputado e não do partido”, explicou.

Barbosinha era tido como nome forte do PSB e dos partidos aliados, como DEM, para enfrentar o pré-candidato do PSDB, deputado federal Geraldo Resende, e pré-candidata pelo PR, vereadora Délia Razuk. Sem o deputado, o partido agora estuda possibilidade de formar aliança e indicar vice.

Tereza adiantou que vai reunir nos próximos dias com a executiva do partido, também com o próprio prefeito Murilo e o deputado Barbosinha para definir qual será o futuro do PSB em Dourados, segunda maior cidade do Estado. “Vamos nos reunir com a executiva e podemos ter até vice”.