24 de fevereiro de 2021
Campo Grande 33º 22º

'Palhaçada'

Vereador critica secretário por descumprir promessa e não pagar exonerados

Com mais uma promessa de pagamento do valor referente à rescisão dos comissionados que atuavam na gestão de Gilmar Olarte exonerados da Prefeitura de Campo Grande descumprida, os vereadores da Capital usaram a tribuna na manhã desta quinta-feira (3) para criticar os secretários e cobrar o prefeito Alcides Bernal (PP) para que problema seja solucionado. Bernal, assim que retornou à Prefeitura, em agosto de 2015, anunciou que iria exonerar todos os comissionados da gestão anterior e investigaria presença de funcionários fantasmas. As exonerações aconteceram, porém, muitos continuam sem receber valor total da rescisão.

Segundo vereador Mario Cesar (PMDB), convocar os secretários da atual gestão para prestar esclarecimentos ao Legislativo e à população é "inútil" porque os secretários além de não comparecer nas audiências públicas agendadas, como aconteceu com Leila Machado, Marcela Rodrigues, Ivandro Fonseca e Amilton Cândido, nas duas últimas semanas, fazem promessas que não cumprem, segundo aponta o vereador se referindo ao titular da Secretaria Municipal de Planejamento, Controle e Finanças (Seplanfic), Disney de Souza Fernandes.

Disney esteve presente em audiência pública para prestação de contas da Prefeitura no dia 24 de fevereiro quando anunciou que o pagamento do restante do valor da rescisão dos comissionados da gestão de Gilmar Olarte, exonerados por Bernal, seria feito nesta quarta-feira (2). Porém, de acordo com Mario, isso não aconteceu.

"Hoje recebi uma ex-funcionária da Prefeitura que me trouxe o holerite dando a suspensão do contrato em dezembro de 2015 e ontem mais uma vez o secretário que veio nesta Casa firmou um compromisso e não cumpriu. Eu queria pedir a vossa excelência [se referindo ao presidente da Casa, vereador João Rocha] que os secretários não sejam mais convocados. Eles não podem vir aqui e não cumprir o que falam. Não adianta chamar secretário nesta Casa. Eles falam, está gravado, está em ata, eles trazem um monte de gente aqui fazem faz uma palhaçada na Casa, e não cumprem. Nós não merecemos isso, Campo Grande não merece isso. Devemos rever a participação de secretários porque secretário vem aqui e não cumpre o que fala", disse o vereador.