26 de fevereiro de 2021
Campo Grande 34º 22º

CORUMBÁ

Vereador de MS é suspeito de agredir e tentar matar ex-mulher

Casados há 13 anos anos, mulher relatou que influência de vereador no município foi motivo ao medo de denunciar

O vereador Rufo Sant’anna Vinagre (PR), de 39 anos, é suspeito de praticar atos de violência doméstica contra sua ex-companheira. Em depoimento à polícia, a vítima afirmou que o vereador chegou a ameaçar de divulgar fotos íntimas nas redes sociais, e que, teria enviado essas mesmas imagens para familiares.  

Licenciado como vereador, o suspeito também ocupa o cargo de diretor-presidente da Fundação de Turismo da Prefeitura de Corumbá. A denúncia foi divulgada esta manhã pelo site Campo Grande News, que trouxe também, que, vários Boletins de Ocorrência foram registrados pela vítima contra o suspeito.  

Os registros se iniciaram em janeiro deste ano, quando a mulher teria feito a primeira denúncia formal à polícia, essa por violência doméstica, no documento, tipificada como (injúria). Casados há 13 anos, a vítima relatou que o período foi marcado por agressões verbais e ameaças. Em junho do ano passado, a mulher chegou a separar-se de Rufo, no entanto, após segundo a vítima, sofrer ameaça de morte, com medo, retomou o relacionamento.  

Ainda segundo a vítima, só foi possível a separação em janeiro, após o vereador ter que fazer uma viagem, aproveitando o momento, a vítima relatou, que tirou 'as coisas' da casa. “Antonio é uma pessoa influente politicamente na cidade de Corumbá/MS, tendo em vista, ser vereador naquela comarca, razão pela qual a vítima optou por registrar a ocorrência nesta cidade de Campo Grande”, traz o documento.

Em um segundo registro de ocorrência, a mulher detalha uma tentativa de homicídio: a vítima saia de uma academia, na rua 13 de junho, em Corumbá, momento em que foi surpreendida pelo vereador, que conduzindo uma caminhonete, S-10, teria jogado o veículo contra a vítima. Na ocasião, a mulher conseguiu se salvar, ao subir uma mureta na calçada. Em seguida, solicitou ajuda ao telefone. 

O mesmo Boletim de Ocorrência recebeu complemento informando que o vereador, compareceu à delegacia espontaneamente, em companhia do advogado, para prestar esclarecimentos. A Delegacia da Mulher de Corumbá informou que o caso está sob sigilo. 

A Justiça suspendeu o direito Rufo de visitar os filhos, conforme divulgado em 20 de março no Diário Oficial do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS). Foi agendada uma audiência e a Justiça informou que o autor pode ser representado exclusivamente pelo advogado, diante do contexto de se envolver em caso de violência doméstica. 

Empresário, Antonio Rufo Sant’anna Vinagre foi eleito vereador em 2016 com 933 votos, na coligação Por Amor a Corumbá. Ele não declarou patrimônio à Justiça Eleitoral. A reportagem não conseguiu contato com o vereador e nem com sua defesa. 

De acordo com a prefeitura de Corumbá, o fato surpreendeu a administração municipal, que ainda não foi comunicada oficialmente pela Justiça de nenhum ato cometido pelo referido diretor-presidente.

Matéria editada as 16h30 para alteração no título.