27 de novembro de 2020
Campo Grande 35º 23º

SEM PESQUISA

"Você é médico?", pergunta Maia a deputado que defendeu hidroxicloroquina

"Mas eu tenho contato com o pessoal da área", respondeu o deputado Reinhold Stephanes Jr

O deputado Reinhold Stephanes Jr. (PSD-PR) defendeu o uso de 2 medicamentos contra o coronavírus na sessão da Câmara desta 3ª feira (7.abr.2020) e ouviu 1 questionamento do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ): “Você é médico?”.

Stephanes orientava a bancada do PSD a votar a favor de projeto do deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) que dá prazo indeterminado a receitas médicas durante a pandemia do coronavírus –o projeto foi aprovado. Em seguida, deu-se o seguinte diálogo:

Stephanes Jr.: Eu queria agora abordar a questão do coronavírus. Nós temos hoje no país condições de colocar para tratamento já no 1º momento a hidróxicloroquina e a azitromicina para os doentes do coronavírus. Isso com certeza seria 1 sucesso no tratamento dessa doença…

Rodrigo Maia: Você é médico?

Stephanes Jr.: Não.

Rodrigo Maia: Ah, tá.

Stephanes Jr.: Mas eu tenho contato com o pessoal da área. Dirigi muito tempo uma empresa de medicina muito grande, que é a Amil. Fui diretor dela no Brasil todo. Estou em contato com o pessoal da Prevent Senior, estou em contato com o pessoal do Albert Einstein e do Sírio Libanês, que já estão usando aqui no país. Vi a entrevista do médico dos EUA com o Rudolph Giuliani, que tratou mais de 1.000 pacientes com cloroquina e nenhum deles veio a falecer. O quanto antes a gente usar o medicamento, mas ajudará o país.

O deputado se refere ao médico Vladimir Zelenko, de Nova York. Em conversa com Rudolph Giuliani, Zelenko diz que hidroxicloroquina, azitromicina e outras drogas têm dado resultados positivos no combate ao coronavírus.

O projeto Comprova, do qual o Poder360 participa, checou as afirmações. Os supostos testes de Zelenko não têm comprovação científica nem foram publicados em revista da área para avaliação por outros médicos.

Fonte: Poder 360.