13 de agosto de 2020
Campo Grande 34º 21º

AMEAÇA

Wassef falará sobre morte de miliciano e diz que vai 'explodir todo mundo'

O advogado também deu declaração que pode ser o dito popular: 'tiro pela culatra'

Frederick Wassef, voltou a reafirmar neste domingo (5.julho), que é advogado sim do presidente Jair Bolsonaro. E que guarda 'a sete chaves' provas 'que ninguém imagina' de sua relação o chefe. 

O ex-defensor de Flávio Bolsonaro e, segundo ele, ainda advogado de Jair Bolsonaro disse, segundo a Coluna do Lauro Jardim, que vai dar entrevista à TV sobre a morte do miliciano Adriano da Nóbrega. "Vou explodir todo mundo em rede nacional ao vivo. Poderosos políticos do Rio mandaram assassinar o Adriano. Tenho provas. Os mesmos caras que executaram o Adriano iriam executar o Fabrício Queiroz".

Wassef voltou a elogiar o presidente Jair Bolsonaro e mostrar que “são próximos, sem abalos na relação’. "Não preciso mandar recado. Se eu quiser, ligo agora no celular e ele me atende", disse o advogado bolsonarista.

O advogado também deu declaração que pode ser o famoso ‘tiro pela culatra’. Ele afirmou guardar provas de estreita relação com o presidente a sete chaves: "Não dá pra negar uma história que está registrada com tantas fotos e filmes. Fora aqueles que eu tenho comigo e que ninguém nem sonha e nem imagina. Está tudo guardado a sete chaves e mesmo se a bandidagem do Rio quiser fazer busca e apreensão não vai encontrar nada", afirmou aludindo as autoridades policiais carioca.

Fonte: O Globo