12 de junho de 2021
Campo Grande 25º 14º

Grêmio contrata advogados na Itália para liberar "Cebolla"

A- A+

O Grêmio segue na sua busca por converter ou reduzir a pena imposta ao meia Cristian "Cebolla" Rodríguez, por uma expulsão no seu último jogo na Itália, ainda com a camisa do Parma. O jogador pegou um gancho de quatro jogos, e a pena deverá ser cumprida no Brasil em competições nacionais ( Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro ).

A primeira tentativa dos advogados gremistas não deu certo. A defesa entrou com um recurso no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do Brasil. Como foi um pedido inédito, a CBF foi consultada e deu parecer desfavorável ao clube gaúcho, mantendo a pena imposta na Itália.

A solução encontrada foi entrar com recurso na Justiça desportiva italiana. O departamento jurídico gremista acredita que a pena foi tão grande porque o Parma, ex-time do uruguaio, não o defendeu, devido à grave crise financeira que atravessava - o clube decretou falência pouco depois. O advogado do Grêmio , Leonardo Lamachia, está otimista.

"Contratamos advogados na Itália para entrar com o recurso. Acreditamos que na semana que vem saia o resultado. A pena poderia ser reduzida a apenas um jogo, equivalente à suspensão automática", explicou Lamachia.

Por enquanto, segue mantida a punição de Rodríguez, que não poderá enfrentar o Campinense, na próxima quarta-feira, em Campina Grande, na Paraíba, pela Copa do Brasil.